aos dias de pôr, próxima aos do nascer

sábado, 23 de fevereiro de 2013

Vida militar corrida

Apesar das correrias da rotina militar, sigo escrevendo. O tempo que me falta não é o que me mata, sigo divagando entre versos, escrevendo em retalhos da legislação, em retalhos de um e outro campo... Formatura em breve, os textos que me pertencem ainda estão em papel e quase soluçando para o mundo virtual. Um abraço a todos!!!!! Logo, logo virão outros poemas!!