aos dias de pôr, próxima aos do nascer

quinta-feira, 22 de julho de 2010

Diagnóstico


Seja mais doce ao menos hoje,
amanhã estarás habituado a falar com suavidade...
Situe-se na própria existencialidade,
deixe cada ser viver seu espírito!

Não tenha infiltrações antiéticas numa sala em que não és convidado a tomar café!
Não use as imperfeições das espécies para aliar-se a um poder que não tens: o voo!
Não aponte dedos diante dos seres humanos, refletores existem!

O Ser humano que mais fala é aquele que possui audição atrofiada!
Fala e vê. Não enxerga e não escuta. Não vive, vegeta!
Incolor e livre de qualquer aroma.
Abafa até o próprio cheiro
Sem essência e com vaidade...
É podre!
Não é humanidade...

Nenhum comentário: