aos dias de pôr, próxima aos do nascer

quarta-feira, 29 de setembro de 2010

Espaço que é meu!















Estou nesse espaço que é meu
Os sentimentos se movem
Escapam pela janela
E te buscam ao vento

Estou nesse espaço de mim
Aonde consigo movimentar
As coisinhas que sinto
E ainda, te esconder nesse canto...

Estou nesse espaço provisório
Nesse período de momento
Os planos deixando pra depois
Cansando menos e me divertindo mais...
Nesse espaço que é meu!

3 comentários:

SolBarreto disse...

Nada como um momento só nosso, como um espaço só nosso, seja para se divertir, repensar, analisar...
Adorei o poema!

Suzi disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Suzi disse...

.

Sempre precisamos de um momento só nosso. É o tempo que temos para tentar conhecer a nós mesmos, nem que seja só um pouquinho mais, pois a totalidade do nosso ser nunca o conseguimos desvendar.

Sempre bom te ler. Gosto imensamente das tuas palavras.

Deixo sorrisos

.
.