aos dias de pôr, próxima aos do nascer

quinta-feira, 23 de dezembro de 2010

do lado de cá



Opa, aqui estou do lado de cá depois de alguns dias ladiando por Ernesto Alves, trilhas, mato e desconectada do vento. Sem internet, telefone e nem cartas. Sei que estou em Santiago, com as mochilas ainda arrumadas, roupas sujas e com muita sede e ainda: em frente ao computador com muita saudade dos meus amigos blogueiros, reconectando-me ao mundo. Bora lá, do lado de cá!

Nenhum comentário: