aos dias de pôr, próxima aos do nascer

quarta-feira, 29 de junho de 2011

Descortine teu olho




Descortine teu foco ordenado míope
abra-os singelamente honrando teu olhar
desvenda-os ao risco preto que os contorna
permita que eles façam zoom nos eixos
das premissas dos meus olhos astigmáticos

descortine esses fios de cílios alinhados
Aabra-os fervorosamente clamando teu brilho
desvenda-os à pasta que os mantêm alongados
permita que eles maximizem nos eixos
das gotas coadas das minhas pálpebras inchadas

Um comentário:

SolBarreto disse...

Que lindo...Amei!
"Descortine teu foco ordenado míope
abra-os singelamente honrando teu olhar"
Gostei tanto posso pegar emprestado? rsrsrs