aos dias de pôr, próxima aos do nascer

sexta-feira, 26 de abril de 2013

o meu amor está sendo bem maior...



Sei que o amor não é o mesmo
mas eu estou aqui, firme
talvez por hora eu for maior
é tarde pra medir o tamanho sentimental
mas eu estou aqui
acreditando naquele passado incomum
naquele medida disforme
da nossa primeira dose

Sei que o beijo não é o mesmo
mas eu estou aqui
beijando-te todo o tempo
procurando nosso
primeiro beijo
dando viravoltas na cama
sonhando os pesadelos
e peneirando os sonhos
exaurindo em poros os pesados sonhos
em que te enxergava com outra
em que não te sentia nessa outra
que sou eu,
que éramos nós

sei que tudo é tão estranho
mas o meu amor é bem maior
que quaisquer “estranhice”
fazendo-te refletir o quanto é maior valiosos
ir em frente pelos nossos três anos
do que desfrutar um eu te amo de duas
semanas…

sei que tudo foi novo
mas o nosso velho amor
envelhecerá conosco
morrendo juntas
ao breu de tudo que um dia
sempre sonhamos
amar diante de todas as mortes


Nenhum comentário: