aos dias de pôr, próxima aos do nascer

segunda-feira, 22 de junho de 2015

a pessoa certa

Até ontem a pessoa sorria sempre
pessoa certa que me fez também sorrisos
uma outra metade querida, até ontem
pessoa certa que me queria eternamente

                               
até ontem toda a vida já havia sido vivida
pessoa certa que me fez planejar o daqui em diante
com cheiro de todas as primaveras em teu cabelo
pessoa certa que me queria em todos os fios nylon dele

até ontem essa pessoa era amante, mulher
menina
um anjo tênue
pessoa certa que me fez soltar por dentro
salvando-me dos perigos de fora, aflora
fauna e flora!



até ontem a vida respondia às loucuras
menina: não esqueça o caminho de volta,
a pessoa certa sempre será a certa
até ontem, até amanhã, até toda a morte e vida
da gente
todas as pessoas que oportunizaram passar
são gente


até ontem a vida sorria certamente
depois dessa semana,
a próxima, talvez
a pessoa certa será onde o Tempo Quiser


3 comentários:

Anônimo disse...

Canção para um grande amor - Isabella Taviani

Anônimo disse...

"Que danem-se os poetas
E os loucos desvairados
Que rasgam os retratos pra esquecer..."

Quantos do mesmo eu já rasguei!! Hahaha

Mais um belo poema...congratulations!!

Anônimo disse...

deuses, pq o amor é tão brega?? não o poema...a música.