aos dias de pôr, próxima aos do nascer

quarta-feira, 15 de julho de 2015

Las taradas





Uma pequena orquestra de jovens senhoras que lembram canções pouco conhecidas dos anos 40 e 50, preservando o som original de possuir e adicionando toques contemporâneos.                                                 







Cumbia colombiana e rancheras mexicanas, presente humor apropriado na música dos anos para construir um repertório que viaja através de diferentes regiões e resgata vários intérpretes variando de Johnny Cash, Mina Mazzini e Agustin Lara, de Elvis Presley, The Machucambos e Carmen Miranda.




Sua história remonta ao início de 2010, quando Luisa Malatesta (Paula Maffia) e Paco Lucia (Lucy Patané) decidiu realizar uma velha idéia: reunir um grupo de músicos do sexo feminino que poderia recuperar músicas esquecidas no passado
 
..
 




Uma viagem que levou a vários cenários de Buenos Aires (como o Centro Cultural Ricardo Rojas, Cafe Leitor da Biblioteca Nacional, o Legislativo Buenos Aires, o ECUNHI na antiga ESMA, Café Vinil, Emergent, Technopolis e Niceto Festival, entre outros), Cordoba, Mendoza e Bahía Blanca. 
 
..


2 comentários:

Anônimo disse...

Não esconde o encanto por esse estilo. Legal!

Anônimo disse...

castelhana que aprecia! e os teus charuto cuba? ontem eu te vi pelas ruas de santiago, desfilando um sobretudo preto e boina preta. fiquei envergonhado em dar oi. Mas escreves bem! Mulher típica e, como dizem, Ahhhh Castelhana!