aos dias de pôr, próxima aos do nascer

quarta-feira, 23 de setembro de 2015

a coisa dentro de ti

a coisa de ti é tão assim
que entrei sem perguntar
se havia lugar pra mim
mas a coisa foi tão boa
que não ousei à toa
sair por onde entrei




2 comentários:

Anônimo disse...

Um dos mais bonitos, suaves...

Anônimo disse...

Nossa! Sair por onde entrou, querendo ficar dentro da COISA pra sempre! Imagino.